CEDErva acompanha missão de avaliação da FAO Brasil para sistemas tradicionais de erva-mate

No último dia 10 e 11 de dezembro, o CEDErva acompanhou a missão de avaliação da FAO Brasil da produção de erva-mate no Paraná como um Sistema Importante do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM). Durante este período, propriedades nos municípios de Irati, São João do Triunfo e São Mateus do Sul receberam os representantes da diretoria no Brasil da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-Paraná) — além de prefeitos da região, lideranças comunitárias, comunidades faxinalenses, indígenas e quilombolas, pesquisadores, sindicatos de trabalhadores rurais, pesquisadores e outros agricultores.


O reconhecimento internacional é concedido pela FAO no âmbito do programa Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM), coordenado por esta agência da ONU. São modelos exemplares que aliam a produção agrícola à manutenção de tradições, valorização social, saberes e técnicas populares, bem como auxiliam na preservação do meio ambiente. Ao redor do mundo, a FAO reconhece 62 sistemas agrícolas, em 22 países. Destes, apenas quatro são na América Latina. O “Sistema Tradicional e Agroecológico de Erva-mate na Floresta com Araucária” é candidato a ser a segunda iniciativa brasileira ao programa SIPAM – a primeira foi o reconhecimento às comunidades apanhadoras de flores sempre-vivas, na Serra do Espinhaço em Minas Gerais.


Candidatura


Os agricultores tradicionais e agroecológicos paranaenses estão trabalhando desde março de 2020 para viabilizar a candidatura da qualificação como sítio do patrimônio agrícola mundial. Durante este período, nem mesmo a pandemia interrompeu diálogos virtuais e a busca de informações para compor um dossiê de mais de 80 páginas com detalhes sobre os sistemas.


A mobilização dos agricultores para a candidatura ao SIPAM tem a liderança do Observatório dos Sistemas Tradicionais e Agroecológicos de Erva-mate, lançado em 2019. É uma iniciativa que reúne mais de 20 instituições, como sindicatos de trabalhadores rurais, prefeituras, centros de pesquisa, universidades e organizações do Terceiro Setor.


Fonte: portalsouagro


Fotos: Brenda Rotter, Fernando Bertani, Ricardo Gomes Luiz / Equipe CEDErva