Desenvolvimento Sustentável é tema da Caravana Estadual da Agricultura Familiar em São Mateus do Sul

O CEDErva esteve presente na Caravana Estadual da Agricultura Familiar em São Mateus do Sul na última quinta-feira, 25 de agosto! O evento, que aconteceu em três encontros, em Dois Vizinhos em julho e Cerro Azul, em agosto, teve como objetivo debater e propor atividades e políticas públicas pertinentes à realidade de cada região dentro da perspectiva do desenvolvimento sustentável. A caravana é realizada pela Fetraf Paraná e junto de sua base de sindicatos filiados e instituições parceiras, conseguiu reunir cerca de 400 participantes na cidade de São Mateus do Sul, o evento contou com a presença de agricultores e agricultoras familiares, guardiões de sementes, estudantes, professores, pesquisadores, entidades parceiras como o Ministério Público do Trabalho, governo estadual e autoridades políticas.

Com as apresentações e discussões levantadas pela Caravana, as famílias de diferentes cidades da região centro-sul e centro do Paraná puderam debater, além do tema da agricultura familiar e desenvolvimento sustentável, meios de fortalecer a rede de agricultores que trabalham com a produção de alimentos saudáveis e manejo sustentável agroecológico da erva-mate, os presentes puderam ainda estar em partilha de alimentos, saberes, sementes e experiências. Nos encontros anteriores da Caravana debateu a luta dos direitos e previdência social, ponto de grande relevância para todas as regiões do Estado e no Cerro Azul a temática escolhida foi juventude e políticas públicas para a sucessão na agricultura familiar.

Em São Mateus do Sul, a presidente do CEDErva, Evelyn Nimmo, compôs a mesa pela manhã e apresentou, juntamente do oficial nacional da FAO, Valter Bianchini, o projeto SIPAM (Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial) para todos os presentes! O reconhecimento internacional é concedido pela FAO no âmbito do programa e coordenado por esta agência da ONU. São modelos exemplares que aliam a produção agrícola sustentável à manutenção de tradições, valorização social, saberes e técnicas populares, bem como auxiliam na preservação do meio ambiente.

Para acompanhar mais notícias sobre a Caravana, clique aqui.


Fotos: Ana Flávia Barboza, Brenda Rotter / Equipe CEDErva.